fbpx

Criança de 5 anos natural de Brejo é a terceira vítima fatal da dengue no Maranhão

Imagem ilustrativa.

Os casos de morte por dengue têm preocupado a população maranhense. Uma criança de cinco anos, da cidade de Brejo, entrou para a lista de mais uma das vítimas das complicações da doença. Ela estava internada desde o dia 29 de fevereiro em um hospital de São Luís. Com esse, já são três casos registrados no estado, o que tem deixado a comunidade em alerta.

Um levantamento divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde do Maranhão, revelou que já foram confirmados 1.505 casos de dengue e 68 casos de Chikungunya. Desses registros, duas mortes foram causadas por dengue e uma morte por Chikungunya.
Com a recente atualização do Painel de Arboviroses do Ministério da Saúde, os números alarmantes ganharam ainda mais destaque. Agora, registram-se 1.537 casos de dengue, com três óbitos, enquanto a Chikungunya afeta 74 pessoas. Estas estatísticas, ressaltam a urgência de ações coordenadas e eficazes para conter o avanço das doenças
Outros casos de morte por dengue incluem um jovem de 23 anos, da cidade de Lago Verde, na região do Médio Mearim, e um paciente natural de Caxias que morreu em decorrência da Chikungunya em Teresina, Piauí. Em nota, a Secretaria de Estado da Saúde esclareceu ainda que o boletim divulgado no site da SES é um informe semanal com a atualização dos dados dos últimos 7 dias. O Ministério da Saúde disponibiliza um painel online para visualização dos casos de Arboviroses.
O Brasil já registrou mais de 927.485 casos confirmados de dengue e 630 óbitos, enquanto para o chikungunya, são 45.804 casos e 36 óbitos. Apenas sete estados não registraram mortes por dengue em 2024, com Distrito Federal, Minas Gerais e São Paulo liderando as estatísticas de óbitos.
Do Portal Difusora ON.

Deixe um comentário

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook