fbpx
Blog Fuxico do Sertão - Notícias de Pastos Bons e Região

Deputada Daniella Tema assina termo de doação durante ato no Palácio dos Leões.


A deputada estadual Daniela Tema participou esta semana no Palácio dos Leões da cerimônia de assinatura do acordo de cooperação técnica e termo de doação de blocos intertravados de concreto para pavimentação de vias públicas nas cidades.

Com o acordo assinado com o Governo do Maranhão, por intermédio das secretarias de Estado de Governo (Segov) e de Administração Penitenciária (Seap), as cidades de Amapá do Maranhão, São João dos Patos, São Vicente Férrer, Sucupira do Norte, Turilândia, Senador La Rocque e Caxias receberam a doção de bloquetes confeccionados por meio do programa Trabalho com Dignidade, idealizado e executado pela Seap, que utiliza mão de obra carcerária para a feitoria das peças de concreto destinadas à pavimentação de ruas.

É por meio do material produzido nas fábricas de blocos intertravados que a gestão estadual executa, por exemplo, programas como o Mutirão Rua Digna.

Para a deputada, a doação dos blocos para o calçamento de vias públicas nas cidades maranhenses representa um “momento de partilha”, já que, ao mesmo tempo em que a gestão estadual auxilia os municípios em obras de infraestrutura, garante dignidade aos apenados com a atividade de trabalho no ambiente carcerário.

“Partilha, em primeiro lugar, da esperança de que as pessoas, todas elas, têm que ser tratadas segundo a lei”, pontuou a parlamentar.

Fábricas no sistema prisional

Atualmente, o Maranhão possui 51 fábricas que utilizam mão de obra de presos de Justiça, para a produção de blocos intertravados de concreto. O secretário de Administração Penitenciária (Seap), Murilo Andrade, também destacou o duplo benefício social inerente ao projeto de confecção de bloquetes de cimento no sistema penitenciário.

“Além de atender às necessidades do povo maranhense, em contrapartida, nós também estamos trabalhando com as pessoas privadas de liberdade, que antes não tinham nenhum ofício e hoje estão inseridos nessas fábricas de blocos”, enfatizou Murilo Andrade.

De acordo com o titular da Seap, até o final de agosto deste ano, o Maranhão contará com 80 fábricas do tipo em seu sistema prisional.

“Para a gente é de extrema importância esse projeto e a manutenção do mesmo, para que a gente consiga, além de atender os interesses da Secretaria, colocando os presos para trabalhar, possa atender aos interesses do Estado e dos municípios, que terão as ruas pavimentadas”, destacou o secretário.

Durante a cerimônia de assinatura do acordo de cooperação e do termo de doação, o governador Flávio Dino frisou que com o crescimento no volume da produção de blocos de concreto nas fábricas da Seap, a gestão estadual estaria apta a fornecer blocos de cimento permanentemente para as cidades do Maranhão, “ajudando os prefeitos e prefeitas numa tarefa basilar e tão difícil que é conservar as ruas”.

“Nós temos que procurar celebrar bons valores, entre os quais essa união que o Maranhão tem hoje, exatamente porque nós procuramos dialogar com todos que queiram ajudar a que nosso estado avance”, ressaltou Dino.

Via Blog do Dc

Categoria: Maranhão