fbpx

Homem que assassinou vizinho no interior de São Paulo é preso em Água Doce do Maranhão

No momento da prisão, o homem disse que, desde a época do crime, passou pelos Estados do Pará e Mato Grosso do Sul e, que nos últimos 10 anos, estava morava do município de Água Doce, onde trabalhava dirigindo um veículo da coleta pública de lixo.

Na manhã dessa quarta-feira (27), uma ação realizada pela Polícia Civil do Maranhão no âmbito da “Operação Paz”, no município de Água Doce do Maranhão, a 364 km de São Luís, resultou no cumprimento de um mandado de prisão preventiva contra um homem, apontado como sendo o principal suspeito de cometer um homicídio na cidade de São Miguel Arcanjo, no interior do Estado de São Paulo.

De acordo com as investigações, em 2009, o preso, de identidade não revelada, matou o seu vizinho identificado como Adriano Batista, efetuando cinco disparos de revólver calibre .38.

Com base nas informações repassadas pela Polícia Civil de São Paulo, equipes da Polícia Civil maranhense destacadas na “Operação Paz”, realizavam diligências no intuito de localizar indícios que levassem a localização do investigado.

Os policiais avistaram o indivíduo fazendo carregamento do seu veículo, em frente ao estabelecimento comercial de sua esposa. Depois disso, seguiram o mesmo e fizeram a abordagem na rodovia MA-034, entre Água Doce e Tutóia, quando pilotava uma motocicleta.

Durante a abordagem, o homem afirmou que, desde a época do crime, passou pelos Estados do Pará e Mato Grosso do Sul e, que nos últimos 10 anos, estava morava do município de Água Doce, onde trabalhava dirigindo um veículo da coleta pública de lixo.

Ainda de acordo com Polícia paulista, o autor do delito e a vítima vinham se desentendendo por questões ínfimas (sem importância; de pouco ou nenhum valor), o que acabou levando ao cometimento do crime.

O preso foi recolhido ao sistema penitenciário e sua prisão será comunicada a Justiça do Estado do Maranhão e de São Paulo.

Participaram da ação policial, equipes da regional de Caxias, SEIC, SECCOR, Delegacia Geral integrante da “Operação Paz”, que aturam com base nas informações repassadas da Polícia Civil do Estado de São Paulo.

A “Operação Paz” que é coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, visa concentrar esforços para a realização de ações de inteligência, investigação, repressão e prevenção às ocorrências de Mortes Violentas Intencionais.

Via Gilberto Léda

Deixe um comentário

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook