fbpx

Ministério Público recomenda cancelamento de shows de Taty Girl e Zé Vaqueiro no interior do MA

 

Segundo o promotor de Justiça, Julio Aderson Borralho Magalhães, os contratos para os shows, avaliados em R$ 450 mil, carecem de transparência.

O promotor também destaca a necessidade de realização de concurso público no município.

No documento publicado, o promotor ressalta que a Prefeitura foi notificada, mas não prestou esclarecimentos sobre a falta de informações relacionadas ao processo de despesas decorrentes das contratações, incluindo empenhos, liquidação e pagamento.

Em resposta, a Prefeitura de Lima Campos afirmou ter incluído em sua manifestação os processos de dispensa referentes às contratações dos artistas, assim como demonstrativos de gastos com pessoal e minutas de plano de cargos e carreiras.

A administração municipal argumenta que a ausência de realização de um concurso público até o momento não se deve à falta de recursos financeiros, mas sim à postura de prudência e responsabilidade fiscal adotada por esta gestão.

Deixe um comentário

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook