fbpx

Município de Sucupira do Riachão poderá ser reconhecido como ‘Capital Maranhense da Cachaça’

Paulo Phietro / Agência Assembleia

A Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou, na sessão plenária desta quarta-feira (7), em segundo turno, o Projeto de Lei 367/2022, de autoria do deputado Glaubert Cutrim (PDT), que reconhece o município de Sucupira do Riachão como ‘Capital Maranhense da Cachaça’. A matéria seguirá para sanção do governador Carlos Brandão.

Em sua justificativa, o autor da proposição esclarece que o cultivo da cana-de-açúcar faz parte da cultura do povo sucupirense, uma vez que, além de fonte de renda e trabalho, a boa fama do produto produzido passou a se espalhar por diversos lugares do Maranhão, inclusive com a distribuição para muitos estados do Brasil, onde passou a ter relevância em âmbito nacional por ser um produto de alta qualidade.

Informa, ainda, que Sucupira do Riachão possui, aproximadamente, 50 alambiques de cachaça artesanal. E que as cachaças Vale do Riachão e Baixão do Cosmo têm registro do Ministério de Agricultura.

Deixe um comentário

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook