fbpx

Polícia Civil do Maranhão apreende mais de 200 kg de maconha ao abordar carreta bitrem na BR 316, em Caxias

A Secretária de Estado da Segurança Publica (SSP) tem trabalhado de forma intensificada para combater o narcotráfico em todo o Maranhão. No início da tarde deste domingo (12), a Polícia Civil do Maranhão apreendeu, no município de Caxias, ao leste do estado, cerca de 208 kg de maconha, sendo cerca de 143 kg do tipo comum e 66 kg de skunk – conhecida como super maconha.

Os tabletes da droga apreendida estavam sendo transportados em uma carreta bitrem, que foi abordada com o apoio da Polícia Rodoviária Federal. Durante a abordagem, o motorista alegou que a carga seria levada para São Luís.

A apreensão é resultado de investigação e aconteceu por volta do meio dia, na BR 316, e foi realizada por policiais civis da Delegacia de Homicídios de Timon, em conjunto com a equipe do departamento de inteligência da Polícia Civil da cidade.

Considerando o preço do quilo desses tipos de entorpecentes, a carga apreendida resultou em prejuízo de cerca de RS 2,9 milhões aos grupos criminosos envolvidos com o narcotráfico, o que também incide diretamente na redução de todos tipos de crimes, incluindo aqueles contra a vida.

O secretário de Estado da Segurança Pública, Maurício Martins, destacou a importância da apreensão realizada pela Polícia Civil.

“A apreensão de drogas representa duro prejuízo para a atividade do narcotráfico na medida em que gera o enfraquecimento dessas organizações criminosas, diminuindo o seu poder de atuação. Deste modo, reduzimos a incidência da criminalidade. Por isso, este é um dos focos de atuação das nossas polícias”, enfatizou Maurício Martins ao agradecer o trabalho das equipes policiais que atuaram na operação.

O flagrante da apreensão foi registrado no Plantão da Policia Civil de Caxias e a investigação, conforme explicou o delegado geral da Polícia Civil, Jair Paiva, será conduzida a partir de agora pelo Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico (Denarc) de Caxias.

“Foi mais uma apreensão importante de drogas ilícitas, resultado de investigação. Parabenizo o empenho dos policiais e reafirmo que seguiremos com o trabalho de combate ao crime em todo o estado, em especial ao crime organizado”, destacou Jair Paiva.

 

Mais apreensões

Na última semana, o Sistema de Segurança Pública também contribuiu para importante apreensão de drogas no município de Grajaú. Entre os dias 06 a 10, o Centro Tático Aéreo (CTA) integrou a força-tarefa da Operação Polígono VI, coordenada pela Polícia Federal, e auxiliou, juntamente com as aeronaves da Polícia Rodoviária Federal, na localização e erradicação de 183.063 pés de maconha, bem como na localização e incineração de oito toneladas de maconha prontas para comercialização. O montante foi apreendido no povoado Alto Brasil, no município de Grajaú.

Além da quantidade apreendida, as equipes destruíram centenas de pés de cannabis sativa que, se colhidos, poderiam produzir cerca de seis toneladas da droga. Os policiais também encontraram e destruíram bombas de água, tubulações e mangueiras destinadas à irrigação da plantação, prensas comumente associadas ao processamento da maconha para o transporte, além de uma grande quantidade de fertilizantes químicos e insumos agrícolas.

 

Deixe um comentário

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook