fbpx

Polícia prende mais três envolvidos em assalto à casa do pai de zagueiro do Flamengo em São Luís

A Polícia Civil prendeu mais três envolvidos no assalto registrado, na madrugada de segunda-feira (10), na Cidade Operária, na casa do pai do zagueiro do Flamengo, Pablo Castro.

Após invadirem a residência, eles fugiram levando três televisores, celulares e vários outros objetos, além de dois veículos. Ambos já foram recuperados, bem como grande parte do que foi subtraído do imóvel.

Segundo o delegado Luciano Bastos, da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), todos os capturados foram reconhecidos pelas vítimas e um deles, que auxiliava o grupo a entrar nos imóveis dos alvos, confessou o crime.

“O chaveiro confessou ser da equipe. Ele era usado para abrir a porta e facilitar o acesso dos comparsas nos roubos. Identificamos ele em outras ações que estão em investigação na DRF e, também, será responsabilizado”, revelou Bastos.

Ainda conforme o delegado, apenas um assaltante segue foragido. Um quarto criminoso, identificado como Pedro Lucas Carvalho Pereira, foi capturado ainda na segunda-feira, 10, após capotar um carro nas proximidades do local do crime e ser espancado por populares. Todos os presos já possuem passagens pela polícia.

Depois dos procedimentos necessários, os criminosos foram encaminhados ao presídio, onde ficarão à disposição da justiça.

Relembre o caso


Cinco bandidos armados assaltaram a casa de familiares do zagueiro maranhense Pablo Castro, do Flamengo, na Cidade Operária, em São Luís, na madrugada deste domingo, 10.

De acordo com a polícia, o bando invadiu a residência enquanto os moradores dormiam. Os criminosos levaram vários objetos, televisões e celulares, além de dois carros que estavam na garagem.

Na fuga, um dos assaltantes acabou capotando o veículo nas imediações da área do crime. Populares, já cientes do assalto, conseguiram pegar o indivíduo, que foi reconhecido por uma irmã do jogador, e passaram a espancá-lo. A polícia chegou em seguida e evitou que o ladrão fosse morto, efetuando a prisão em seguida.

A esposa do pai de Pablo relatou que eles foram acordados já com os bandidos dentro do quarto com armas em punho. Os invasores renderam a filha dela e o genro, colocando todos juntos em um único cômodo.

Segundo a moradora, os bandidos afirmaram que sabiam que estavam roubando a casa do pai do zagueiro Pablo.

Não havia sinais de arrombamento na residência. No carro capotado, a polícia encontrou ferramentas que são utilizadas por chaveiros. (Jornal Pequeno)

Deixe um comentário

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook