fbpx
Blog Fuxico do Sertão - Notícias de Pastos Bons e Região

Governador pede explicações à Equatorial sobre falta de energia na capital e no interior

O governador Wellington Dias (PT) utilizou as redes sociais na tarde deste domingo (03) para anunciar que pediu explicações à Equatorial, concessionária responsável pelo abastecimento de energia no Piauí, sobre as faltas de energia que marcaram os primeiros dias de 2021 na capital e em municípios do interior do Estado.

“Estou em constante contato com a Equatorial Piauí para tratar sobre a falta de energia em pontos de Teresina e em cidades do interior do nosso estado. Segundo os diretores da empresa, as equipes estão trabalhando fortemente para recuperar as redes de distribuição de energia que foram afetadas pela forte chuva e quedas de árvores”, disse o governador.

Wellington Dias também anunciou que determinou que o Corpo de Bombeiros auxilie a empresa no trabalho de recuperação das redes de distribuição. ” Determinei que nosso Corpo de Bombeiros atue em todas as áreas solicitadas, ajudando no trabalho da empresa e assistindo os cidadãos que necessitarem”, destacou.

eca12dfeb14a80138fbe577dce55806b
A falta de energia teve início ainda na noite da última quinta-feira, 31 de dezembro, quando uma forte chuva foi registrada na capital e em municípios do interior. Em alguns bairros de Teresina, o apagão durou mais de 60 horas, o que motivou protestos de moradores revoltados com a situação.

No início da tarde deste domingo(03), a Equatorial, através de nota, se manifestou afirmando foi restabelecido 100% do fornecimento de energia na capital e que existem apenas situações pontuais de falta de luz.

 

Nota de Esclarecimento

A Equatorial Piauí esclarece que, conforme compromisso firmado, concluiu o restabelecimento do fornecimento a 100% das ocorrências coletivas registradas em Teresina nos dias 31 de dezembro e 01 de janeiro, após as fortes chuvas, ventos e raios que atingiram a Capital. Tais ocorrências são aquelas cujo mesmo ponto de defeito na rede afeta o fornecimento a mais de um cliente.

A força tarefa realizada pela Distribuidora segue agora tratando os casos isolados e pontuais registrados. Há 82 equipes de atendimento emergencial em campo, sendo 15 de manutenção pesada, e quase 300 colaboradores estão empenhados na recuperação da rede elétrica na capital, trabalhando em tempo integral desde o início das ocorrências.

As fortes chuvas geraram severos danos à rede elétrica. Em toda a capital, há registro de, pelo menos, 280 árvores que caíram sobre a rede. Isso corresponde a 90% das ocorrências coletivas registradas desde o dia 31.

Em função da gravidade dos danos causados ao sistema elétrico, os trabalhos de recuperação tiveram alta complexidade e tempo de recomposição maior. Diferentemente do atendimento emergencial em condições típicas, nesta situação houve a necessidade de reconstrução da infraestrutura de redes que foram destruídas pelo evento climático registrado.

O fornecimento de energia também foi prejudicado pela alta incidência de raios e objetos metálicos lançados sobre a rede, como placas e outdoors, como registrado no bairro Primavera, na zona norte da capital.

A Equatorial Piauí reforça aos clientes que, caso ainda exista algum problema pontual, registrem solicitação nos canais da Distribuidora. Para atendimento aos clientes, estão disponíveis a Central 0800 086 0800, o site e aplicativo da Equatorial Energia. Também é possível informar falta de energia utilizando a Clara, atendente virtual da Distribuidora que atende pelo número (86) 3228-8200, por mensagem no whatsapp.

Fonte:cidadeverde.com

Deputado Fernando Monteiro morre aos 68 anos no hospital Sírio Libanês

Atualizada às 10h35

O corpo do deputado estadual, Fernando Monteiro (PRTB), chegará em Teresina nesta sexta-feira (27), por volta das 5h30, no aeroporto Petrônio Portella. O parlamentar morreu aos 68 anos, na manhã de hoje (26), vítima de câncer hepático no hospital Sírio Libanês, em São Paulo.  O governo do estado decretou luto de três dias. Veja nota aqui.

O deslocamento será pela empresa aérea Gol. O voo 9019 sairá de São Paulo por volta das 2h30 da manhã. A mulher e os três filhos estão na capital paulista  providenciando o translado do corpo. 


O parlamentar será velado no salão nobre Francisca Trindade, na Assembleia Legislativa, a partir das 8h. Antes, a família fará despedida fechada e em seguida será aberto para o público.

Atualizada às 10h05

O deputado estadual, Fernando Monteiro (PRTB), faleceu na manhã desta quinta-feira (26)  no hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Ele tinha 68 anos e lutava contra um câncer no fígado. No Natal, o parlamentar teve uma piora no quadro de saúde e acabou não resistindo. 

Em janeiro o parlamentar descobriu um câncer hepático e iniciou o tratamento no Sírio Libanês.  Em novembro, ele foi ao hospital para realizar exames e chegou a retornar à Teresina. No mesmo mês, teve que voltar e ficou internado na UTI do hospital. Foi cogitado a possibilidade de fazer um transplante de fígado, mas seu quadro não era favorável. 

O corpo do deputado ainda está em São Paulo. Familiares aguardam os procedimentos finais para a liberação e traslado para Teresina. O velório deve acontecer na sexta-feira (27) na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi). 

Ele deixa a esposa Fabiana Monteiro e três filhos Marcos, Fernando Filho e Lauro.

Um articulador

Fernando Monteiro se destacou por ser um articulador. Sempre acompanhou a política de forma atenta. O parlamentar ajudou na formação de partidos como o PFL, PTB e PRTB. Fernando participou de governos antagônicos como o de Hugo Napoleão e Wellington Dias.

Ele foi um dos primeiros pefelistas a estabelecer aliança com o PT no estado. A última articulação que se envolveu foi na eleição da mesa diretora da Assembleia Legislativa em fevereiro de 2019 que dividiu o imenso bloco governista. A adesão de Monteiro a Themístocles Filho (MDB) foi passo fundamental para a vitória da chapa única para a reeleição do atual presidente. Fernando Monteiro foi vice-presidente na mesa diretora.  

Relembre trajetória de Fernando Monteiro

Fernando Alberto de Brito Monteiro, nasceu na cidade de Picos, em 20 de junho de 1951. 

Economista, ele exerceu os cargos de Consultor Técnico do CEAG/PI, professor da Escola Técnica Federal do Piauí e da Universidade Federal do Piauí. Elegeu-se vereador de Teresina, exercendo o mandato de 1983 a 1988 e a partir de 1986, elegeu-se Deputado estadual, reelegendo-se sucessivamente, sendo atualmente o único parlamentar decano da Casa, com nove mandatos consecutivos e exercia ainda o cargo de vice-presidente da Assembleia Legislativa do Piauí. 

Fernando foi secretário de Defesa Civil no segundo governo Hugo Napoleão e no segundo governo Wellington Dias, presidente do PRTB no Piauí. 

Entusiasta do Carnaval de rua, Fernando fundou a premiadíssima escola de samba Ziriguidum e foi presidente por várias gestões. Trouxe para Teresina figuras como Neguinho da Beija Flor e conseguiu o feito de ter em Teresina o carnavalesco Paulo Barros, que em 2017 foi vencedor com a escola Portela.  

O senador Ciro Nogueira (Progressistas) usou a rede social e lamentou a morte do parlamentar:

Graciane Sousa, Yala Sena e Elivaldo Barbosa
redacao@cidadeverde.com

Vítima que reagiu e matou assaltante é militar no Maranhão

O crime ocorreu no início da tarde dessa quarta-feira (27)

A Polícia Civil, através do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), identificou a vítima que reagiu e matou um assaltante em um posto de combustíveis no bairro São Joaquim, na zona norte de Teresina.

Segundo a Polícia Civil, a vítima que atirou é um policial Militar do estado do Maranhão. O PM deve se apresentar ainda hoje na DHPP para prestar esclarecimentos e entregar a arma utilizada pelo assaltante no crime.

Entenda 

 Na tarde dessa quarta-feira (27), foram divulgadas as imagens das câmara de segurança que flagraram o momento que um assaltante, ainda não identificado, foi morto, durante uma tentativa de assalto em um posto de combustiveís, localizado na Rua Rui Barbosa, bairro São Joaquim, zona Norte de Teresina.

Conforme as imagens,  a dupla chegou em uma motocicleta, e abordou uma das vítimas, que estava sentada. Ao lado, um homem estava enconstado em um veículo, quando percebeu o assalto, e reagiu. Um dos bandidos morreu ainda no local do crime e o outro fugiu.

Do Portal Fala Nordeste

NATURAL DE PASTOS BONS, ADVOGADO E JURISTA CELSO BARROS É HOMENAGEADO PELA ACADEMIA DE BELAS ARTES DE FLORIANO

Albeartes homenageia Celso Barros e admite 3 novos sócios

Em uma solenidade muito prestigiada, a Albartes – Academia de Letras e Belas Artes de Floriano, fez a entrega da medalha de honra do Mérito Cultural Eurico Clementino de Aguiar ao advogado Celso Barros Coelho. A sessão ocorreu na noite deste sábado (08/06).

Jurista dos mais renomados e ex-deputado federal, o Dr. Celso Barros Coelho, com 98 anos de idade, já é membro efetivo da Albeartes, além de integrar também a Academia de Letras do Piaui e a Academia de Letras de Pastos Bons.

Celso Barros se mostrou emocionado com a homenagem e, em seu discurso, por várias vezes, disse sobre o seu sentimento de gratidão. Ele foi saudado pelo também advogado José Alfredo que é filho de um amigo do homenageado – o falecido Braulino Duque de França.

Na sessão solene, foram admitidos novos sócios beneméritos: Antonio Carlos Mota, Dina Paraguassu e Jusmária Duarte Pereira Santos.

albeartes0

Informações Portal Floriano News

Câmeras de segurança flagram o momento do assassinato do filho de presidente Dutra, em Teresina

Uma câmera de segurança flagrou o momento em que Jhonatan Pereira de Sousa Santos, de 35 anos, foi assassinado enquanto dirigia na avenida Gil Martins, zona Sul de Teresina. O crime aconteceu por volta das 16h de ontem, sábado (29). Nas imagens é possível ver uma moto com duas pessoas se aproximando do carro e o garupa efetuando os disparos.

Ferida, a vítima perde o controle do veículo e invade a pista contrária da avenida, indo parar numa parada de ônibus. Uma mulher (supostamente a esposa dele) que estava no carro desce e pede socorro a quem passava. Logo em seguida algumas pessoas correm para ajudar, mas Jhonatan Pereira de Sousa Santos já estava morto. Ele foi atingindo com dois tiros.

Segundo as investigações da polícia até o momento, a morte teria sido ocasionada por uma rixa antiga com a vítima. Jonhatan Pereira, que seria natural de Presidente Dutra, no Maranhão, era montador de subestações de energia elétrica e morava em Teresina há dois anos.

Jonhatan Pereira de Sousa, é do município de Presidente Dutra, no Maranhão, trafegava pela avenida Gil Martins, entre as avenidas Barão de Gurgueia e Pedro Freitas, em um automóvel modelo Gol, de cor vermelha, de placa NWT-O618, quando dois homens em uma motocicleta ficaram paralelos ao veículo e efetuaram vários disparos.

Dois dos tiros atingiram o para-brisas dianteiro e dois no lado esquerdo da cabeça de Jonhatan Pereira de Sousa, que teve morte imediata.

Confira o vídeo: